Uma mistureba eclética.

Médico De Michael Prejudicou O Atendimento

O médico que atendeu Michael, Conrad Murray, pode ter omitido informaçõesa equipe que atendeu o chamado de emergência do cantor, de acordo com o tablóide, News of The World.

Ele não teria dito que administrou uma dose de ‘Proporfol’, remédio que matou Michael, de acordo com os legistas. Murray apaenas disse ter aplicado um sedativo e fluídos para hidratar o cantor.

Michael morreu de overdose de medicamentos e intoxicação com o anestésico Proporfol no dia 25 de junho de 2009.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s